DEPENDÊNCIA QUÍMICA E PSIQUIATRIA 

Dependência Química

Aceitar que dependência química é uma doença e não um defeito de caráter é fundamental para iniciar um tratamento eficaz. 

Admitir que você ou alguém de quem você gosta tem um problema de dependência química não é fácil. Como saber quando a bebida ou as drogas saíram do controle?   

A resposta varia, mas geralmente, se o uso de álcool ou drogas interfere na vida familiar e social, no trabalho, na saúde, na estabilidade emocional e / ou na vida espiritual, a dependência química é um problema.   

A dependência química afeta indivíduos de todas as esferas sociais, e irá atingir direta ou indiretamente a família, amigos e colegas de trabalho indiscriminadamente, levando o sujeito a perdas sucessivas no campo familiar, social e profissional. A dependência química é uma doença que não pode ser evitada apenas pela força de vontade, deve ser tratada.  

A Clinica Espaço Village é uma referencia no tratamento e cuidados da mais alta qualidade para pessoas com problemas de dependência de álcool e / ou drogas. Temos tratado com sucesso centenas de dependentes químicos e seus familiares.  

O Tratamento Dependência Química

As modalidades e estratégias de tratamento da dependência química são amplas e variadas. Cada uma vai atender a um determinado momento de nosso cliente e vai variar em tempo e formato. Por isso todo cliente que chega ao Village é avaliado individualmente, e cada plano de tratamento será visto e revisto de forma individualizada.  

A abordagem do Espaço Village terá como meta principal um tratamento e uma equipe multidisciplinar, humanizada e altamente capacitada para a avaliação e tratamento do abuso ou dependência química.   

Níveis de ingresso ao tratamento

O Espaço Village oferece tratamento hospitalar e ambulatorial por meio de uma variedade de programas que visam atender às necessidades e agendas individuais.   

 

As estratégias são programadas para o grupo, mas são adaptadas individualmente para oferecer às pessoas uma maneira nova e sóbria de viver, construindo essa sobriedade a longo prazo, um dia de cada vez.  Nossos programas de tratamento enfatizam:  

  • Identificação e aceitação da dependência química como uma condição crônica;  

  • Reconhecimento dos gatilhos que levam ao uso indevido de álcool e drogas;  

  • Identificação e manejo dos sintomas da doença;  

  • Percepção das consequências e resultado potencialmente fatais da dependência química em todas as áreas da vida do paciente;  

  • Desintoxicação e reabilitação, se necessário,  sob supervisão de médicos e enfermeiras experientes;  

  • Restauração emocional e social, apoiada pela reeducação e terapia familiar;  

  • Participação no programa de 12 Passos;  

  • Estratégias de Prevenção da Recaída;  

  • Treinamento de Habilidades Sociais;  

  • Estratégias práticas de mudança no estilo de vida;  

  • Supervisão de todos os programas por psicólogos e conselheiros especialistas em psiquiatria e dependência química;  

  • Checagem rigorosa por meio de testes biológicos e toxicológicos;  

  • Programa terapêutico para os familiares.  

Iniciando o processo de recuperação

O primeiro passo para uma recuperação bem-sucedida geralmente começa com uma avaliação clinica. A coleta da história completa e uma avaliação laboratorial do paciente são realizadas e um programa de tratamento individualizado é elaborado por um profissional experiente em dependência química. Critérios importantes na avaliação biopsicossocial e indicação da necessidade de tratamento e nivelamento.

  • O uso está interferindo no seu trabalho, no estudo ou nos relacionamentos com outras pessoas?  

  • Está resultando em problemas com a justiça?  

  • Representa um perigo para si mesmo ou para os outros?  

  • Está gerando problemas de saúde?  

  • Apresenta alterações psiquiátricas decorrentes do uso?  

  • Apresenta comorbidades clinicas ou mentais?  

Objetivo com plano terapêutico  

Os principais objetivos do nosso tratamento são: o monitoramento do processo de desintoxicação, o suporte e a reversão dos quadros de abstinência; a recuperação do quadro clínico geral; o restabelecimento de rotinas de vida e de vínculos sócio-familiares; a criação de estratégias para a prevenção de recaídas e, principalmente, a adesão ao tratamento. Para isso propomos:  

  • Internação voluntária e involuntária, quando necessário;  

  • Suporte psiquiátrico com tratamento medicamentoso;  

  • Suporte psicológico para tratamento do quadro psicopatológico e desintoxicação;   

  • Apoio e orientação à família, e realização de atividades em grupos terapêuticos.  

As quatro fases do tratamento de dependência química  

A essência do nosso programa é a combinação entre a escuta individualizada do paciente (e seus familiares) com sua participação ativa nos grupos terapêuticos. As 4 fases do processo terapêutico são:  

Desintoxicação: primeira fase do tratamento consiste na estabilização do quadro fisiológico e emocional. O foco, nesse momento, é acolher o paciente (contenção emocional e medicamentosa) e auxiliá-lo a como lidar com a abstinência.  

Motivação: esta fase inicia-se quando os efeitos fisiológicos e emocionais agudos produzidos pela abstinência do uso das substâncias, começam a ceder, possibilitando o desenvolvimento de um trabalho terapêutico de adesão ao tratamento. 

 

Reabilitação: uma vez que o paciente apresenta sinais de adesão ao tratamento, é possível trabalhar na mudança de foco: construir, em parceria com o paciente, rede de apoio que o auxilie a lidar com a dependência.  

Manutenção: aqui, o foco do trabalho terapêutico é a criação de estratégias de prevenção de recaídas, aumentando intervalo de tempo entre a vontade de usar a substância e a decisão de fazê-lo, abrindo a possibilidade de escolha por outro comportamento. Neste último aspecto do tratamento, trabalhamos a responsabilização do sujeito na retomada de sua vida, nas decisões e consequências que isto implica.  

 
 
 
 
 
 

FALE COM A NOSSA EQUIPE!

Telefone